A equipe do Programa Goiás na Frente, liderada pelo vice-governador, José Eliton, esteve nesta quarta-feira, 12, em Firminópolis, onde Eliton entregou ao prefeito do município, Jorge do Escritório, R$ 1 milhão. Os recursos serão investidos exclusivamente na pavimentação asfáltica das vias urbanas da cidade.

A solenidade de assinatura de convênio aconteceu no Salão Paroquial, da Igreja Católica. Na ocasião, José Eliton, ao assinar o convênio com o prefeito, o vice-governador falou do Programa Goiás na Frente. Segundo ele, a meta do Programa é priorizar os investimentos em infraestrutura do estado.

Também prestigiaram o evento, a primeira-dama de Firminópolis, Maiza Maria de Melo, o vice-prefeito Paulo Henrique, a deputada federal Flávia Morais, o ex-prefeito de Firminópolis e atual chefe de gabinete da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Leonardo de Brito, o ex-prefeito Dr. Brito, vereadores locais, os prefeitos de Cachoeira de Goiás, Aurilândia, São Luís de Montes Belos e Moiporá, além de lideranças políticas, autoridades militares e pessoas da comunidade.

De acordo com Eliton, através do Goiás na Frente, os 246 municípios goianos, serão contemplados com a quantia de R$ 1 milhão, fatia da venda da Companhia Energética de Goiás (Celg) para a empresa italiana Anel, pelo valor de R$ 2.187 bi, dos quais R$ 1,1 bi, foram depositados na conta do Governo do Estado e a outra parte repassada para a Eletrobrás. A transação faz parte do Programa de Privatização do Governo Federal.

O primeiro a usar a fala foi o secretário extraordinário supervisor das obras do Programa Goiás na Frente, deputado estadual Talles Barreto (PSDB), que coordenará investimentos no valor de R$ 9 bilhões, que serão empregados em obras de infraestrutura, como: estradas, saneamento, saúde, educação e segurança pública. Após discorrer sobre os avanços que o programa poderá proporcionar, ele disse: “Eu, como fiscal, quero garantir a qualidade desses serviços”, frisa.

A deputada federal Flávia Morais (PDT), representante política de Firminópolis, enalteceu a proposta do governo, por meio do Programa na Frente, de priorizar demandas importantes da administração estadual, como a conclusão de vários hospitais, ampliação da oferta de moradias e oferecer recursos para os municípios. “Eu fico feliz quando eu vejo o Jorge no nosso gabinete buscando recursos, fazendo o que ele pode de melhor para o município. E, hoje, somando as emendas que nós mandamos para cá, já estamos aproximando de R$ 1,5 milhão”, conta.

O prefeito Jorge do Escritório, revelou que Firminópolis tem crescido e a expectativa é grande no sentido de melhorar cada vez mais com as parcerias com o Governo do Estado. Destacou o Programa Goiás na Frente, que o denominou de inovador. Também anunciou de público um telefonema que havia recebido momentos antes, do deputado federal Roberto Balestra, informando que iria colocar uma emenda no valor de R$ 250 mil para o município, através do Ministério das Cidades.

Jorge do Escritório, agradeceu pelo R$ 1 milhão, dizendo que irá ajudar muito a sua administração. “Precisamos recapear a nossa cidade; precisamos pavimentar mais de trinta mil metros de asfalto. Firminópolis está crescendo a cada dia. Eu gostaria de fazer um pedido para o vice-governador José Eliton: se o senhor puder nos ajudar, com mais R$ 1 milhão ou 3 mil toneladas de massa asfáltica, eu tenho certeza que iremos recapear as nossas vias de ponta a ponta”, ressalta o prefeito.

Vice-governador destacou a importância do Programa, como sendo o maior programa de investimento no Brasil. E que, só está sendo possível, porque houve prudência, responsabilidade e coragem do Governo do Estado de tomar as medidas duras na hora correta. Para ilustrar, ele citou a fábula da cigarra e a formiga, que enquanto a cigarra aproveitou o verão para cantar sem se preocupar com inverno, a formiga trabalhou para suprir suas necessidades.

O Programa Goiás na Frente, se divide em três áreas fundamentais. A primeira para as grandes obras: duplicação, pavimentação e recuperação de rodovias, construções de hospitais, estruturação da segurança pública; a segunda área é a social, com a construção de 30 mil novas moradias até 2018, dentre as quais 162 para Firminópolis, numa parceria entre Governo do Estado e Prefeitura; a terceira área é apoiar os prefeitos em novos investimentos.

Ao final José Eliton fez uma promessa ao prefeito Jorge do Escritório: “após fazer todo o levantamento dos recursos, nós temos um limite, nós temos que atender e vamos atender todos os municípios goianos. Se nós conseguirmos reestruturar, o senhor pode ter certeza que nós vamos apoiar para avançar e aumentar esse valor para o município de Firminópolis”, concluiu.

Por: Dilson Paiva / Fotos: Lalico e Prefeitura