No início da noite de sexta-feira, 30, a equipe policial, composta pelo Cabo Donato e Soldado Alécio, se encontrava em patrulhamento pela cidade de Cachoeira de Goiás, quando receberam a informação de que no trevo para saída de Ivolândia estava acontecendo alguns disparos de arma de fogo.

Imediatamente a equipe se deslocou para averiguar a situação e no local os policiais abordaram um veículo com duas pessoas suspeitas ao lado, e durante uma busca veicular, foram encontradas no porta-luvas três porções de cocaína.

Segundo informações dos suspeitos abordados, a droga havia sido comprada de Rogério Antonio Romano, na cidade de Aurilândia, pelo valor de R$ 100,00.

Com o apoio de outra equipe, composta pelos Sargentos Adeverson e Genyslane, os policiais se deslocaram até à Vila Maximino, em Aurilândia, local onde reside Rogério, e realizaram abordagem e busca pessoal no mesmo, encontrando com ele 3 munições, calibre 32, sendo duas intactas e uma deflagrada.

Durante a busca domiciliar os policiais encontraram também um revólver, calibre 32, marca SMITH & WESSON, e uma porção de cocaína, pesando 54 gramas. Diante da situação, Rogério recebeu voz de prisão em flagrante e foi levado para São Luís de Montes Belos, juntamente com os seus dois clientes.

Contando também com o apoio da equipe do Sargento Cláudio e Cabo Castro, os envolvidos passaram primeiro pelo Hospital Municipal, para relatório médico e em seguida foram apresentados, com os objetos e droga apreendida, ao delegado de polícia para a adoção dos procedimentos que o caso requer.

Dando prosseguimento ao intenso combate ao tráfico de drogas implementado pelo ex-comandante da 20ª CIPM, Major Sandro Mendonça, o atual comandante Major Roberto mostra-se também impiedoso a esse tipo de crime. Segundo ele, a tolerância ao tráfico e consumo de entorpecente pelo seu comando é zero.

 

Por: Edivaldo do Jornal, com informações da 20ª CIPM