Uma colisão frontal entre dois VW Gol resultou na morte dos dois condutores. O acidente trágico aconteceu no início da manhã desta quinta-feira, 14, exatamente às 6h31, na GO-164, entre o centro de São Luís de Montes Belos e Setor Planura Verde. Com a violência do impacto os dois veículos pararam fora da pista.

O Gol de cor preta, placas: OGT-9178, de São Luís de Montes Belos, que seguia sentido São Luís/Sanclerlândia, era conduzido por Túllio Henrique Almeida Costa, 23, e outro, de cor vermelha, placas: OND-2312, de Buriti de Goiás, que seguia em sentido contrário, tinha como condutor o aposentado Atacir Borges Ferreira, 63. Ambos morreram no local.

De acordo com informações de colegas de trabalho e familiares, Túllio Henrique, que era professor e atualmente coordenador da merenda escolar da escola estadual de Silvolândia, estava indo para o trabalho juntamente com mais três colegas. A coordenadora da escola, Maria Clara e as professoras Tainara Costa e Ana Cláudia. Ambos servidores da rede estadual de educação.

De acordo com informações extraoficiais, das outras três vítimas Maria Clara foi a que sofreu ferimentos mais graves. Ela estaria internada em um hospital particular em observação pois teria fraturado algumas costelas. A professora Tainara Costa sofreu uma lesão no cotovelo e deverá passar por cirurgia em um hospital de Goiânia. A professora Ana Cláudia foi encaminhada para Goiânia. Ela teve líquido no abdômen.

Já o aposentado Atacir Borges estava sozinho no veículo. Segundo a Polícia Militar Rodoviária, testemunhas teriam relatado terem visto ele fazer zig-zag na pista antes da colisão. Um amigo da família conta que Atacir usava um marca-passo no coração e não descarta a possibilidade de ele ter sofrido um mal súbito naquele momento. A perícia irá esclarecer se ele morreu antes ou em função da colisão.

Equipes do Corpo de Bombeiros e do Samu de São Luís de Montes Belos foram acionados e chegaram rápido ao local. Depois dos primeiros atendimentos, as três vítimas feridas foram encaminhadas ao Hospital Municipal. Em seguida Maria Clara foi internada no Hospital Vital.

Familiares das vítimas, do aposentado em maior número, que estiveram no local do acidente, onde ficaram chocados com o que viam. Em lágrimas, buscavam explicações para tamanha tragédia.

Os funcionários da escola de Rosalândia, onde Túllio também trabalhava, ficaram abalados com a notícia da sua morte. Luciana, porteira da escola, conta que já tinha colocado os alunos nas salas de aula quando recebeu a triste notícia. “Estamos todos em choque. Até agora”, conta Luciana.

Vários amigos de Túllio não acreditavam no que estavam vendo. No local do acidente e nas redes sociais eles expressaram a dor da perda do amigo.

“Falar o que diante de uma situação assim? Se o pai chamou, vá com Deus amigo, sempre estará em nossos corações… Vou sempre lembrar de vc, meu amigo o BEM… Muito sorridente, super honesto e responsável!!! Deus conforte a família dele… Saudades sempre vai ter cada dia mais… Uma lembrança inesquecível seu último niver. Eternas saudades”, Alexandre Beltrão.

“Infelizmente não são fotos pra te desejar um feliz aniversário. Meu amigo… Sem palavras… Sem legenda. Deus quis te levar mais cedo… Vc sempre estará em nossos corações… Meu sentimento… Sinto muito… Até agora estou sem chão… Lamentável… Arrasada aqui”, Márcia Maria.

Por: Edivaldo do Jornal