X

São Luis de Montes Belos 25 de Janeiro de 2020 - Total de Acessos 8992785

Firminópolis: Em ação inusitada, policiais evitam suicídio de adolescente

Visualizações: 2868

Firminópolis: Em ação inusitada, policiais evitam suicídio de adolescente

Por muito pouco o jovem J. W., de 17 anos, não consegue o intento de tirar a própria vida por duas vezes no mesmo dia. Não fosse a ação rápida e precisa de dois policiais militares, o adolescente teria partido desse mundo enforcando-se com uma corda amarrada a uma árvore. O fato aconteceu na cidade de Firminópolis, no início da noite desta segunda-feira, 9.

 

Tudo começou quando os policiais foram acionados por um taxista que havia levado o rapaz até uma construção, localizada à margem da Rodovia GO-060, saída para Goiânia. O que chamou a atenção do taxista, foi o fato de o rapaz estar com ataduras nos braços e dele pedir que o mesmo levasse um recado para a sua mãe: “Fala para minha mãe que eu a amo muito”, disse ele.

 

Ao chegar ao local, a equipe policial, composta pelo Sargento Samuel e Soldado Abdias, de longe se deparou com uma cena triste. Viram o jovem pendurado pelo pescoço em situação de morte. Os dois correram até o local e sem poupar esforços retiraram o rapaz daquela situação cortando a corda que o amarrava ao galho da árvore.

 

Após deitar a vítima ao chão, os policiais conseguiram reanima-lo com massagens cardiopulmonar. Ele ficou estabilizado até a chegada de uma equipe de resgate do Corpo de Bombeiros que, após dar-lhe os primeiros socorros, o levou para o Hospital Santa Gemma, em Firminópolis. No local, os policiais ficaram sabendo que J. W. havia fugido de lá naquele mesmo dia, momentos depois de o mesmo ser atendido com cortes nos pulsos, numa outra tentativa de suicídio.

 

Diante da situação, o rapaz foi encaminhado para o Hospital Municipal de São Luís de Montes Belos onde também foi atendido e em seguida liberado. Os policiais não souberam precisar os motivos de o rapaz estar determinado a tirar a própria vida. Oura situação inusitada aconteceu durante a ocorrência: o Soldado Abdias, que também é pastor evangélico, realizou uma conversa espiritual com a vítima para acalmá-la.

 

No diálogo, indagado pelo policial sobre a presença de um ser maligno em seu corpo, com uma voz muito diferente e bastante ríspida, J. respondeu que sim. Foi aí que o policial Abdias invocou a presença de Deus naquele momento para expulsar do corpo do jovem aquele ser do mal, que para ele, era a causa de tudo que ele estava passando.

 

Além de arrancar do jovem o compromisso de perdoar todos aqueles que o faziam mal, Abdias e o colega Samuel conseguiram também salvar a vida dele, através de uma ação rápida e eficaz. A intervenção espiritual feita pelo policial mostra que a gloriosa corporação da Polícia Militar também é composta por seres humanos tementes a Deus.

 

Por: Edivaldo do Jornal

×
Aqui o Povo Fala
(64) 9695-1676
Jornal A Voz do Povo
(64) 3671-3413

Aqui o povo fala envie sua mensagem/notícia.