X

Meu Teleguia APP

São Luis de Montes Belos 17 de Julho de 2019 - Total de Acessos 8561869

Irmãos são mortos em confronto com o GPT de São Luís de Montes Belos

Visualizações: 2998

Irmãos são mortos em confronto com o GPT de São Luís de Montes Belos

Os irmãos Rafael Vicente Rodrigues da Silva, 27, e Fernando Vicente Rodrigues da Silva, 28, (fotos), naturais de Goiânia, foram mortos na tarde desta terça-feira, 9, em São Luís de Montes Belos, durante troca de tiros com uma equipe do Grupo de Patrulhamento Tático – GPT. De acordo com a Polícia Militar, a dupla estava em fuga da PM de Iporá, onde momentos antes havia praticado vários crimes naquela cidade.

 

A Polícia Militar de São Luís de Montes Belos tinha informações que a dupla estaria praticando furtos e roubos em residências na cidade e na região há vários dias. Através do sistema de monitoramento por câmeras, o veículo em que os criminosos estavam foi visualizado circulando pela cidade. Diante da informação, vários pontos de bloqueios foram montados pela Polícia Militar com o objetivo de prender os irmãos.

 

Foi em um desses bloqueios que o fato aconteceu. Segundo a PM, por volta das 15 horas, o confronto ocorreu no momento em que os irmãos chegaram a cidade, em um VW-Fox, placas: NWE-9606, de Goiânia, pela rodovia GO-060, quando tentaram se esquivar da equipe policial entrando por uma estrada vicinal, que dá acesso ao município de Firminópolis.

 

Segundo a Polícia Militar, a equipe do GPT tentou realizar a abordagem padrão dos indivíduos, mas eles responderam aos procedimentos efetuando vários disparos contra os policiais, que reagiram alvejando os elementos, que chegaram a receber socorro médico, no entanto chegaram ao Hospital Municipal já sem vida.

 

No interior do veículo os policiais encontraram duas armas de fogo, uma pistola calibre 635, com duas munições intactas, e um revólver calibre 22, marca Rossi, com 5 munições deflagradas, entre diversos objetos, entre aparelhos de TV, bebidas, aparelhos de celulares, capacetes, entre outros, todos frutos dos crimes praticados naquele dia em Iporá. Os objetos e o veículo envolvidos no caso foram entregues à Polícia Civil.

 

Os corpos de Rafael e Fernando ficaram à disposição do IML de Iporá no Hospital Municipal de São Luís, de onde horas depois foram recolhidos. Segundo a Polícia Civil, que também está no caso, os irmãos eram especialistas em furtos e roubos a residências e ambos colecionavam várias passagens pela polícia. Receptação, furtos a residências, a veículos e estabelecimentos comerciais, além de posse de arma de fogo.

 

Por: Edivaldo do Jornal

×
Aqui o Povo Fala
(64) 9695-1676
Jornal A Voz do Povo
(64) 3671-3413

Aqui o povo fala envie sua mensagem/notícia.