X

São Luis de Montes Belos 12 de Novembro de 2019 - Total de Acessos 8824793

Jaupací: Homem perde a vida ao tentar defender mulher que estava sendo agredida pelo marido

Visualizações: 2281

Jaupací: Homem perde a vida ao tentar defender mulher que estava sendo agredida pelo marido

A população da pequena cidade de Jaupaci se assustou com um assassinato ocorrido na madrugada desse domingo, dia 10, por volta de 3h30, nas proximidades de uma danceteria. O costureiro Sérgio Marcos de Souza Júnior, 23, conhecido por “Juninho Cowboy”, foi morto com um golpe fatal de faca.

 

O autor do homicídio é Adailton Pereira de Souza, 43, que trabalha com extração de areia. Ele foi preso ainda em flagrante delito por policiais civis de Israelândia. A prisão do homicida aconteceu no dia seguinte, por volta de 13 horas. Ele estava escondido no banheiro de uma casa vazia, localizada ao lado de sua residência. Ele não esboçou resistência à prisão.

 

De acordo com o delegado, responsável pelo caso, Dr. Antonio Machado de Azevedo, segundo os laudos, a vítima levou dois golpes de faca, porém ela foi morta com uma facada certeira no coração, que atravessou as costelas e atingiu em cheio o órgão vital.

 

Sobre a motivação do crime, Machado relata que trabalha com a primeira versão apresentada, que o autor estaria agredindo física e verbalmente a companheira, e que a vítima foi morta porque tentou defender a mulher das agressões. Que no calor das discussões o assassino desferiu os golpes contra o costureiro.

 

Ainda segundo o delegado Antonio Machado, esta não é a primeira vez que Adailton se envolve em crime desta natureza. Ele responde na justiça por uma tentativa de homicídio, ocorrida também em Jaupaci, há alguns anos atrás.

 

O autor foi ouvido pelo delegado, porém não confessou a autoria do crime, mas também não negou. Sobre a motivação ele disse que só falará na presença do juiz. Quanto a arma do crime, ele não contou onde a escondeu. Machado destaca que durante o andamento do inquérito, com a oitiva de testemunhas, o curso da investigação poderá ter novidades.

 

Ele foi autuado em flagrante por homicídio qualificado, por motivo fútil, e recolhido ao presídio de Iporá. Isso porque a cadeia pública de Israelândia abriga atualmente somente mulheres. Nesta terça-feira, 22, Adailton iria passar uma audiência de custódia. Até o fechamento desta matéria não foi possível saber qual foi o resultado.

 

O delegado Antonio Machado ressalta o excelente trabalho realizado pelos policiais civis de Iraelândia, que não pouparam esforços para prenderem o homicida ainda no período de flagrante. São eles: Levingstone (Tonin), Bizmack e Haroldo.

 

Por: Edivaldo do Jornal

×
Aqui o Povo Fala
(64) 9695-1676
Jornal A Voz do Povo
(64) 3671-3413

Aqui o povo fala envie sua mensagem/notícia.