X

São Luis de Montes Belos 25 de Janeiro de 2020 - Total de Acessos 8992780

Jovem é preso suspeito de matar o pai a facadas dentro de casa

Visualizações: 954

Jovem é preso suspeito de matar o pai a facadas dentro de casa

Segundo a Polícia Militar, o homem deixou o corpo do pai no quarto, furtou uma televisão e dois celulares e depois saiu no carro da vítima para trocar os bens em drogas.

 

Um jovem de 21 anos foi preso nesta segunda-feira (16) pela suspeita de matar o próprio pai com facadas durante uma discussão sobre dinheiro para comprar drogas. O crime aconteceu na casa onde eles moravam, no bairro Ana Clara, em Goiânia. Segundo a Polícia Militar, o jovem deixou o corpo do pai, pegou bens e saiu trocar em drogas.

 

"Ele deixou o corpo do pai dele, pegou o carro da vítima e pegou bens e vendeu para usar mais drogas", explica o tenente Leandro Sales.

 

Igor Martins Dias, de 21 anos, confessou em um vídeo gravado pela polícia ter matado o pai durante uma discussão sobre dinheiro para comprar drogas. Segundo o relato do jovem, o fim da briga acabou de forma inesperada.

 

“Estava sob efeito de drogas, entre elas crack. Como estava acabando, fui pedir dinheiro para ele, mas não foi como eu pensei. Achava que ele ia dar, mas não deu. Então voltei a consumir mais drogas e depois, em casa, matei meu pai”, confessa o jovem.

 

A briga aconteceu na madrugada de sábado (14) e a família encontrou o corpo de Ubiratã Martins Dias, de 62 anos, no domingo (15), após várias tentativas de contato por celular. Uma das filhas da vítima, Keila Caroline da Silva Dias, de 42 anos, chegou a falar com o irmão por telefone, que não falou nada sobre o pai, e sumiu em seguida. Ela diz que Igor pegou uma televisão e dois celulares para trocar em drogas.

 

Segundo Keila Dias, o irmão morava com o pai e saiu há dois meses de uma clínica de reabilitação para dependentes químicos.

 

“A gente pensou que ele tivesse ido para alguma chácara. Passei na casa dele e estava tudo quieto. Então falei com o Igor e ele sumiu pouco tempo depois. Pessoas que moram na rua do meu pai disseram que meu irmão passou no carro dele, foi quando desconfiei de algo ruim, porque meu pai não emprestava o carro para ele”, desabafa Keila Silva Dias.

 

No domingo, a irmã conseguiu arrombar a casa e encontrou o corpo do pai. O enterro de Ubiratã aconteceu nesta segunda-feira (16) em Rialma.

 

“Fica a sensação de perda porque ele era um pai amoroso”, conta a filha.

 

Fonte: G1/Goiás

×
Aqui o Povo Fala
(64) 9695-1676
Jornal A Voz do Povo
(64) 3671-3413

Aqui o povo fala envie sua mensagem/notícia.