X

Meu Teleguia APP

São Luis de Montes Belos 24 de Julho de 2019 - Total de Acessos 8586334

Prefeito, secretário e servidor investigados na Operação Nova Geração são presos em Castelândia

Visualizações: 392

Prefeito, secretário e servidor investigados na Operação Nova Geração são presos em Castelândia

O prefeito de Castelândia, Marcos Antônio Carlos; o secretário de Transportes, Gustavo Campos dos Santos, e o servidor público do Poder Executivo Pedro Antônio de Oliveira apresentaram-se perante as autoridades policiais nesta quinta-feira (21/2) e estão presos temporariamente. Eles estavam foragidos desde a última segunda-feira (18/2), quando foi deflagrada a Operação Nova Geração.

 

A operação é consequência da Operação 5ª Geração, realizada no ano passado em Cachoeira Dourada. A apuração do MP-GO detectou que os empresários Iris Domingos da Costa e Gilberto de Almeida Leles mantinham o mesmo esquema em Castelândia, para o desvio de recursos públicos, por intermédio do pagamento de propina.

 

As investigações em Castelândia, desenvolvidas pela Promotoria de Maurilândia e Centro de Inteligência (CI) do MP-GO, apontaram que, a partir de janeiro de 2017, quando Marcos Antônio Carlos e o vereador Izaac de Oliveira assumiram seus mandatos, a empresa Conduta Assessoria foi contratada pelo Executivo, e a Goiás Técnica Contábil, pelo Legislativo. Parte dos valores pagos pelo município era devolvida para os agentes públicos, indicam as investigações.

 

Conforme apurado, dados bancários mostraram que o prefeito de Castelândia e o secretário de Transportes foram beneficiados por transações bancárias entre 2016 e 2018, efetuadas pela Conduta Assessoria e por Iris da Costa. Há suspeita de que a empresa Drogaria Saúde, que tem o secretário Gustavo dos Santos como um de seus sócios, teria sido beneficiada de forma ilícita com recursos da prefeitura.

 

A denúncia contra os envolvidos deverá ser oferecida em breve. (Texto: Cristina Rosa e João Carlos de Faria / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO)

×
Aqui o Povo Fala
(64) 9695-1676
Jornal A Voz do Povo
(64) 3671-3413

Aqui o povo fala envie sua mensagem/notícia.