X

São Luis de Montes Belos 20 de Novembro de 2019 - Total de Acessos 8851379

São Luís: João e Mutamba são espancados covardemente em porta de bar

Visualizações: 4883

São Luís: João e Mutamba são espancados covardemente em porta de bar

Por volta das 21 horas desta terça-feira, 7, na porta de um bar, conhecido por Bar do Zoreia, no Setor São José, em São Luís de Montes Belos, uma cena deixou muitas pessoas indignadas e revoltadas. Um jovem espancava violentamente dois homens sem nenhuma justificativa. O autor foi identificado pela Polícia Militar como Lucas Ricardo de Oliveira Prado, de 21 anos, conhecido por “Luquinha”,.

 

As vítimas são: Fábio Roberto Ferreira Santana, 35, conhecido por “Mutamba”, e João Arli da Silva, 55, popular “João Gordo”. (fotos acima). Ambos ficaram bastante feridos. Testemunhas contam que o agressor não poupou esforços para agredir violentamente as vítimas.

 

Diante da situação, populares pediam para Lucas parar com as agressões, mas ele ignorou os apelos e continuou a sessão de espancamento, até que uma outra pessoa interviu e, em vias de fato, fez o agressor sair em rumo incerto. Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada, chegou rápido ao local, prestou os primeiros atendimentos às vítimas e as encaminhou para o Hospital Municipal.

 

Em seguida, uma equipe da Polícia Militar, composta pelo sargento Acrísio e soldado Fernandes, também compareceu e depois de ouvir os relatos das vítimas e testemunhas, saiu em diligência à procura do autor. Lucas foi encontrado momentos depois, próximo ao local do fato. De acordo com os policiais, ele portava uma faca de serra e afirmava que iria matar uma pessoa que o havia agredido. Ele também foi levado para o Hospital.

 

Para finalizar os procedimentos da ocorrência, os policiais militares tentaram confeccionar um Termo de Ajustamento de Conduta – TCO -, por agressão física, mas Lucas teria se negado a assinar os documentos. Depois de passar por exames de praxe no Hospital, ele foi conduzido à delegacia de Polícia Civil, onde ficou sob a responsabilidade do delegado Tiago Junqueira.

 

Mesmo diante de tanta violência contra duas pessoas indefesas e sem nenhuma justificativa, depois de ser ouvido Lucas foi liberado. Um inquérito foi aberto para investigar os fatos. De acordo com o delegado, a possibilidade de Lucas ter que responder por dupla tentativa de homicídio ao invés de responder a um simples TCO por agressão, não é descartada.

 

João Gordo é irmão do querido finado Genésio, que era bem quisto por toda a população. Com problemas de saúde e dependentes do alcoolismo, João e Mutamba são assíduos frequentadores do Bar do Zoreia e de outros da região, onde acontecem com frequência brigas e confusões que quase sempre terminam em vias de fato. Depois desse último ocorrido, vizinhos cobram das autoridades providências no sentido de resolver a situação desse local.

 

Por: Edivaldo do Jornal

×
Aqui o Povo Fala
(64) 9695-1676
Jornal A Voz do Povo
(64) 3671-3413

Aqui o povo fala envie sua mensagem/notícia.