X

São Luis de Montes Belos 14 de Dezembro de 2018 - Total de Acessos 8101545

Velho conhecido da polícia de São Luís quase perde a vida a “facãozada” em Cachoeira de Goiás

Visualizações: 2154

Velho conhecido da polícia de São Luís quase perde a vida a “facãozada” em Cachoeira de Goiás

Jeovânio Marques Raimundo, 36, mais conhecido por “Cacique” (foto), um velho conhecido das polícias e do Poder Judiciário de São Luís de Montes Belos, quase foi morto ao ser atingido com vários golpes de facão. O caso aconteceu na tarde desta quarta-feira, 21, por volta das 16 horas, na cidade de Cachoeira de Goiás. O autor é o comerciante Ortevandes Rodrigues Gonçalves, 56, conhecido por “Tevânio”.

 

De acordo com os relatos colhidos pela Polícia Militar, junto a uma testemunha, que presenciou o fato, Cacique teria chegado no bar do autor com uma faca em punho. Que em dado momento os dois começaram uma discussão e que em seguida Cacique jogou uma cadeira no comerciante.

 

A testemunha, que trabalha no local do fato, conta que Tevânio pegou um facão e atingiu o braço de Cacique, nascendo naquele momento uma briga entre eles do lado de fora do estabelecimento. Relata ainda que Cacique, ferido no braço, correu por uma rua, mas que o comerciante o alcançou e desferiu nele outros golpes de facão. “Não sei quantos golpes. Sei que foram vários”, conta.

 

Diante da situação, Cacique ficou desacordado e Tevânio evadiu-se do local. Momentos depois a vítima foi atendida por uma ambulância do município e encaminhada para o Hospital Municipal de São Luís de Montes Belos, onde recebeu os primeiros atendimentos e, em seguida, foi levado para Goiânia, em estado grave, porém sem risco de morte.

 

Em seguida, a equipe da Polícia Militar, que atendeu a ocorrência, saiu em diligência por vários lugares do município à procura do autor do crime. No entanto, não obteve êxito na missão.  

 

Entre as inúmeras passagens pela polícia, Cacique contabiliza também um assassinato cometido em São Luís de Montes Belos, a vítima foi um rapaz, enteado de um policial militar aposentado. O fato aconteceu durante a passagem de ano novo, ocorrida no centro cidade.

 

Por: Edivaldo do Jornal

×
Aqui o Povo Fala
(64) 9695-1676
Jornal A Voz do Povo
(64) 3671-3413

Aqui o povo fala envie sua mensagem/notícia.