De novo: 35 bairros de São Luís de Montes Belos ficam sem água. Saneago diz que falta de energia elétrica causou o problema

Em nota, publicada em seu Site, a Saneago afirma que a falta de água em 35 setores da cidade de São Luís de Montes Belos, nesta terça-feira, 7, foi provocada pela interrupção de energia elétrica na sua estação de tratamento.

De acordo com a nota, a normalização do abastecimento será gradual, após o retorno da energia. Confira abaixo, na íntegra, a nota publicada e a relação dos bairros afetados.

Falta de energia prejudica abastecimento em São Luís de Montes Belos

 

Desde as 9h30 persiste queda de energia na Estação de Tratamento de Água de São Luís de Montes Belos. Como o funcionamento da unidade depende de energia elétrica, o abastecimento está prejudicado. A normalização do sistema ocorrerá gradualmente após a retomada da energia.

No sistema de abastecimento de água, a normalização é gradual e ocorre à medida que as redes e os reservatórios são recarregados com carga d’água. Diferentemente do restabelecimento da energia, que ocorre imediatamente após a conclusão dos serviços na rede elétrica. Por isso, é importante o consumo consciente das reservas nas caixas d’água, sem desperdícios. 

 

Bairros afetados: Bairro Anhanguera; Jardim Boa Vista; Jardim Boa Vista; Portal da Serra; Residencial Carvalho; Residencial Ipê; Residencial Paineiras; Residencial São Caetano; Residencial Serra Dourada; Residencial Serra Verde I; Residencial Serra Verde II; Residencial Serra Verde III; Serra Bela; Setor Barreirinho; Setor Bela Vista; Setor Central/Centro; Setor Cláudia; Setor Inicial; Setor Montes Belos; Setor Rodoviário (Rua Rio Doce sentido para a Praça República); Setor Rodoviário (Rua Rio Doce sentido para a Prefeitura); Setor Santa Luzia; Setor Trevo; Setor Universitário; Vila Boa; Vila Canaã; Vila Eduarda; Vila Mutirão; Vila Nova; Vila Popular; Vila Seac; Vila Serrania; Vila União, Bairro Alvorada; Vila Xerife.

 

Recentemente a empresa firmou um compromisso, em juízo, com a prefeitura de São Luís de Montes Belos no sentido de não deixar faltar água para a população sob pena de pesada multa a ser aplicada por cada unidade consumidora. O caso em si a empresa não deve ser penalizada uma vez que o problema causado foi alheio à sua vontade.

Por: Edivaldo do Jornal

PROPAGANDA

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on email