Fiscalização encontra aglomerações e irregularidades em bares e restaurantes de Goiânia durante feriado

Dois bares e uma distribuidora de bebidas foram fechados e multados. Em um bar, a fiscalização encontrou cerca de 30 clientes consumindo bebida alcoólica escondidos em um ambiente pequeno e fechado.

Equipes de fiscalização da Prefeitura de Goiânia encontraram bares com aglomeração de pessoas e funcionando fora do horário permitido pelo decreto neste feriado que emendou a sexta-feira com o sábado (3). Em um bar, cerca de 30 pessoas consumiam bebida alcoólica escondidas em um espaço pequeno e fechado.

Os fiscais chegaram no local às 2h30, no Setor Universitário, depois de uma denúncia anônima. O bar também funciona como boate.

Mesmo com as portas trancadas, a equipe viu que as luzes no interior estavam acessas. Os ficais junto com a Guarda Civil (GCM) entraram no lugar e encontraram os clientes escondidos em uma parte da boate.

A fiscalização encontrou outro bar funcionando depois das 23h, o que é proibido pelo decreto. Uma distribuidora que também estava aberta fora do horário permitido, reuniu muitas pessoas consumindo bebida alcoólica no local.

A hamburgueria Lifebox, no bairro Jardim Goiás, foi encontrada em funcionamento após às 23h, com muitos clientes dentro do estabelecimento, na noite de sábado (4), segundo a fiscalização. Ela foi multada e fechada.

A gerência do estabelecimento disse em nota que cumpre rigorosamente o decreto e que a “fiscalização agiu de modo truculento com os funcionários, entrando pela porta de saída dos colaboradores, visto que a porta principal do estabelecimento estava devidamente fechada”. (Leia a íntegra ao final).

Bar promove baile funk

Na quinta-feira (1º), na véspera de feriado, um bar lotado foi interditado e multado em quase R$ 5 mil pela fiscalização no setor Marista, bairro nobre da capital.

O estabelecimento descumpriu as regras de segurança contra o coronavírus previstas em decreto, como a limitação de 50% da capacidade e distanciamento entre as mesas.

Segundo a fiscalização, a choperia realizava um baile funk para cerca de 200 pessoas e muitos clientes estavam sem máscara, fumavam narguilé e eram atendidos em pé devido a aglomeração.

Coronavírus

Goiânia já registrou 133.670 moradores contaminados com o vírus, sendo que 3.691 morreram por causa da doença.

Os hospitais municipais têm 11.344 pacientes internados com a Covid-19. Destes, 5.060 são tratados em UTIs. A taxa de ocupação dos leitos especiais, neste domingo (4), chegou a 94%, enquanto as enfermarias registraram 91% das vagas em uso.

Nota Lifebox

O Lifebox esclarece que vem cumprindo rigorosamente com o Decreto publicado e que a fiscalização agiu de modo truculento com os funcionários, entrando pela porta de saída dos colaboradores, visto que a porta principal do estabelecimento estava devidamente fechada. Além disso, os consumidores que ainda estavam no local haviam feito seus pedidos antes das 23h e não poderiam ser simplesmente expulsos, apesar da cozinha e bar já terem sido encerrados.

Por fim, informamos que vamos tomar as providências judiciais necessárias para anular este auto de infração, e gostaríamos de terminar pontuando que estamos todos preocupados não só com a economia e os empregos como com a saúde de nossos clientes e colaboradores e por isso temos nossa consciência completamente limpa quanto a isso!

Fonte: G1/Goiás

PROPAGANDA

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on email