Frentista é assassinado a tiros em posto de gasolina, onde trabalhou por 22 anos

[post-views]

Dono do posto afirma não saber de desavenças que poderiam motivar o homicídio

Um frentista de 52 anos foi morto a tiros dentro do posto de gasolina onde trabalhou por 22 anos, em São Domingos, região norte de Goiás. O crime aconteceu na madrugada de segunda-feira (25) e a ação dos dois suspeitos foi registrada pelas câmeras de segurança do local. O frentista chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. A Polícia Civil investiga o caso.

As imagens mostram quando dois homens encapuzados que estavam escondidos atrás de uma parede da sala onde o frentista estava, se aproximam do local e efetuam os disparos, que atravessam o vidro e atingem a vítima. Uma câmera interna mostra que o frentista mexia no celular e não percebeu a aproximação dos suspeitos. Ele se assusta com os disparos e cai no chão após ser baleado.

Segundo a polícia, a vítima conseguiu pedir ajuda de vizinhos e foi encaminhado para um hospital da cidade, mas morreu horas após dar entrada na unidade.

Aos policiais, o dono do posto de gasolina contou que nada foi roubado do local. Disse ainda que o frentista era um homem tranquilo e honesto e que não sabe de nenhuma desavença que possa ter motivado o crime. O depoimento dos familiares será colhido ao longo dessa semana.

O caso segue sob investigação da Polícia Civil.

 

Fonte: Mais Goiás

PROPAGANDA
[xyz-ips snippet="galeria"]

Compartilhar