Homem é preso ao se passar por falecido para transferir veículo em Caldas Novas

[post-views]

Um homem foi preso por se passar por um falecido para tentar transferir o veículo do morto a um terceiro. O caso aconteceu nesta quinta-feira (20/6), dentro de um cartório de Caldas Novas. O autor foi preso em flagrante.

De acordo com a Polícia Civil de Goiás, os registros usados pelo detido pertenciam a um homem de 45 anos, morto em 2022. O preso, que tem 39, tentava assinar um Documento Único de Transferência (DUT) para vender a caminhonete do falecido por R$ 70 mil.

Funcionários do cartório desconfiaram da iniciativa e acionaram a polícia. quando abordado, o homem ficou nervoso e não soube responder perguntas simples, como a própria data de nascimento. Ele inclusive errou o nome da pessoa pela qual se passava quando questionado. Isso chamou mais atenção dos policiais que intensificaram as pesquisas rotineiras e descobriram a verdadeira identidade do rapaz.

Na sequência, o detido, que já possuía registros criminais por estelionato, foi interrogado na presença de seu advogado, mas se manteve em silêncio.

O homem foi autuado em flagrante por uso de documento público falso e pode ter que cumprir até seis anos de prisão, se condenado. Ele foi encaminhado ao presídio de Caldas Novas, onde está à disposição da Justiça.

Fonte: Mais Goiás

PROPAGANDA
[xyz-ips snippet="galeria"]

Compartilhar