Homem é preso suspeito de atirar e matar jovem em bar de Hidrolândia;

[post-views]

Segundo delegado, atirador cometeu o crime porque a vítima tinha batido no sobrinho dele. Câmeras de segurança registraram o homicídio.

O homem flagrado atirando e matando um jovem que jogava sinuca em um bar de Hidrolândia, na Região Metropolitana de Goiânia, foi preso na sexta-feira (18). Câmeras de segurança registraram quando Francisco das Chagas, de 21 anos, chegou a correr para fugir dos disparos, mas foi atingido e morreu no local.

O nome do investigado não foi divulgado, por isso, o G1 não conseguiu localizar a defesa dele.

O atirador estava foragido desde o dia do crime, que aconteceu em 31 de agosto. De acordo com o delegado Diogo Rincon, responsável pela investigação, ele matou a vítima por ter se envolvido em uma briga com o sobrinho dele.

“O autor do crime soube que o sobrinho dele tinha entrado em uma luta corporal com a vítima e, na ocasião, o sobrinho dele teve o rosto bastante machucado, eles caíram no chão e ele [sobrinho] quebrou alguns ossos da face”.

“O autor desse homicídio, então, foi até o Hospital Municipal de Hidrolândia, viu o sobrinho naquela situação, foi até a casa dele, pegou o revólver, foi até onde o Francisco estava e cometeu as cenas do vídeo”, explicou o delegado.

Na ocasião, um outro homem foi atingido de raspão pelos disparos, mas foi socorrido e passa bem, segundo o investigador.

O crime assustou os moradores da cidade, especialmente por ter acontecido em um bar movimentado no Setor Bela Vista.

“As imagens realmente são chocantes. Ele chega no bar atirando, o bar já bastante tumultuado, embora fosse madrugada de segunda-feira”, mencionou Rincon.

Segundo o delegado, o homem foi indiciado por homicídio qualificado e por homicídio qualificado tentado. Ele teve a prisão preventiva decretada pela Justiça e deve continuar detido até o julgamento, conforme explicou Rincon.

Fonte: G1/Goiás.

PROPAGANDA
[xyz-ips snippet="galeria"]

Compartilhar