Mãe é presa suspeita de expulsar de casa o filho de 10 anos

Segundo a polícia, menino foi encontrado sozinho deitado na calçada da residência. Aos policiais, mulher afirmou que tirou o filho de casa porque ele é hiperativo; garoto foi entregue ao pai.

Uma mãe, que não teve a identidade revelada, foi presa suspeita de expulsar de casa o próprio filho, uma criança de 10 anos, em Jaraguá, a cerca de 120 km da capital. Segundo a Polícia Militar, o menino foi encontrado sozinho deitado na calçada da residência.

Como a mulher não teve a identidade divulgada, o g1 não conseguiu localizar a defesa dela para que pudesse se posicionar sobre o caso. Aos policiais, conforme o boletim de ocorrência, a mãe afirmou que tirou o menino de casa porque a criança é hiperativa.

O caso aconteceu no último sábado (20). Conforme a PM, os militares faziam patrulhamento pela rua quando viram a criança deitada no chão em frente ao portão da casa. Ao perguntarem o motivo de estar naquele local, o menino disse que a mãe não queria abrir o portão para que ele entrasse.

De acordo com a corporação, a equipe então acionou a sirene da viatura, momento que a mãe da criança saiu de casa e, sem perceber a presença dos policiais, mandou o filho ir embora. Ainda segundo os militares, a mulher estava visivelmente embriagada.

Diante disso, a mãe foi encaminhada para a delegacia de Jaraguá, onde foi autuada em flagrante por abandono de incapaz. O g1 solicitou à Polícia Civil mais informações sobre o caso, na manhã desta segunda-feira (22), mas não recebeu retorno até a última atualização desta reportagem.

Conforme a Polícia Militar, após a finalização da ocorrência, o menino foi encaminhado ao Conselho Tutelar de Jaraguá. Por telefone, o órgão informou apenas que a criança foi entregue aos cuidados do pai. Por não ter tido o nome divulgado, o g1 não conseguiu checar se a mulher permanece presa até esta segunda-feira.

Fonte: G1/Goiás

 

PROPAGANDA

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on email