Mãe é presa suspeita de manter filha acorrentada em casa

[post-views]

Polícia chegou ao local após uma denúncia anônima. Mãe contou à polícia que mantinha a filha presa porque ela era muito ‘custosa’.

Uma mulher de 35 anos foi presa suspeita de manter a própria filha, de 16 anos, acorrentada dentro de casa, em Uruaçu, no norte de Goiás. Segundo a Polícia Militar, uma equipe foi até o local após receber uma denúncia anônima e encontrou a adolescente presa com correntes e cadeado pelos pés.

Segundo o delegado do caso, Sandro Costa, a mãe da adolescente contou que mantinha a filha presa porque ela era muito ‘custosa’ e que tinha amizades com pessoas envolvidas com tráfico. Ainda segundo o delegado, no local, além da jovem, havia uma menina de 12 anos. O pai das meninas estava na casa no momento da abordagem.

“Segundo a adolescente, ela e a mãe trabalham como catadoras. A jovem contou que, quando elas chegavam da rua, ela era acorrentada por um dos pés para não sair de dentro de casa”, explica o delegado.

O nome da suspeita não foi divulgado pela Polícia Civil, e com isso, o g1 não conseguiu localizar a defesa para solicitar um posicionamento.

De acordo com Sandro, a jovem não apresentava nenhuma marca de agressão ou ferimento pelo corpo. A chave do cadeado que prendia a perna da garota estava com a mãe.

A mulher foi presa e encaminhada ao presídio. Se for condenada, pode pegar 8 anos de detenção. Segundo o delegado, o pai das meninas também será ouvido. Se for constatado alguma participação, ele também pode ser indiciado.

“As meninas foram deixadas com a avó materna até que as investigações sejam concluídas”, disse Sandro.

Fonte: G1/Goiás

PROPAGANDA
[xyz-ips snippet="galeria"]

Compartilhar