MP investiga gasto de R$ 1,15 milhão em shows de Barões da Pisadinha, Leonardo e outros artistas em Cachoeira Alta

[post-views]

Cidade pediu autorização para fazer um empréstimo de R$ 11 milhões para pagar despesas do município. Após análise de documentações, promotoria vai avaliar que medida pode ser tomada.

O Ministério Público está investigando a contratação de shows pela Prefeitura de Cachoeira Alta, no sudoeste de Goiás. Entre as atrações estão Leonardo, Barões da Pisadinha, Rionegro e Solimões, entre outros. A soma dos contratos ultrapassa R$ 1 milhão. A cidade, no entanto, pediu autorização para fazer empréstimo no valor de R$ 11 milhões para pagar despesas do município.

Entre os contratos feitos sem licitação, estão os artistas Barões da Pisadinha, no valor de R$ 400 mil, Leonardo, no valor de R$ 310 mil, e Rio Negro e Solimões, no total de R$ 150 mil.

Os Barões da Pisadinha e Rionegro e Solimões informaram que não têm conhecimento da investigação da MP. O g1 entrou em contato com a assessoria de Leonardo e não teve retorno até a última atualização dessa reportagem.

Procurado pela reportagem, o prefeito Rodrigo Mendonça (PDT) não quis comentar o caso.

Segundo o MP, a prefeitura pediu autorização aos vereadores para fazer um empréstimo de R$ 11 milhões, sendo que já reservou R$ 1,15 milhão para o pagamento dos shows, que vão acontecer entre junho e setembro deste ano.

A promotoria pediu informações à Prefeitura de Cachoeira Alta sobre a contratação de cinco shows. Além disso, o MP cobra explicações sobre o empréstimo. Após a análise de toda documentação, o órgão deve definir que atitude pode ser tomada.

Fonte: G1/Goiás

PROPAGANDA
[xyz-ips snippet="galeria"]

Compartilhar