Mulher morre depois de aplicar hidrogel no bumbum em casa

Pessoa responsável pela aplicação do hidrogel ainda não foi identificada

Uma mulher de 34 anos morreu após aplicar hidrogel no bumbum dentro de casa, em Goiânia. A família da vítima disse para a Polícia Civil que a mulher combinou pela internet de fazer o procedimento estéticos com uma pessoa ainda não identificada. O caso está sendo investigado.

O delegado Bruno Henrique Soares Mateus disse ao G1 Goiás que a mulher fez o procedimento no dia 20 de novembro, começou a passar mal no dia seguinte e foi internada no Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol).

Embora tenha recebido assistência médica, morreu no dia 4 de dezembro. O atestado de óbito informa que a causa foi falência múltipla de órgãos. O enterro aconteceu em Araguapaz, onde ela tinha parentes.

Polícia procura quem aplicou o hidrogel

Segundo o delegado, a pessoa que fez o procedimento deve responder por homicídio culposo. Ou seja, morte causada por comportamento imprudente, negligente ou imperito. Além disso, o delegado informou que não sabe ainda se o responsável pela aplicação tinha alguma formação ou conhecimento na área estética.

A polícia disse que também vai periciar o celular da vítima em busca de pistas que possam ajudar a identificar quem fez o procedimento. Familiares e amigos serão ouvidos nos próximos dias.

Fonte: Mais Goiás

PROPAGANDA

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on email