PM encontra mulher com língua cortada após ser agredida pelo companheiro, em Goianésia

[post-views]

Segundo polícia, mulher disse que ferimento foi causado pelo companheiro, que havia batido nela, no entanto, ela não quis representar contra suposto agressor.

Durante atendimento de uma ocorrência, a Polícia Militar encontrou uma mulher com a língua cortada, em Goianésia, na região central de Goiás. Segundo a PM, a mulher disse que o ferimento foi causado pelo companheiro, que havia batido nela, no entanto, ela não quis representar contra o suposto agressor. O suspeito não foi localizado pelos policiais.

O crime aconteceu na madrugada de sábado (7), no Setor Muniz Falcão. A PM disse que chegou ao local após receber uma denúncia de que uma mulher estaria sendo espancada. Ao chegar na casa, os policiais entraram na casa, mesmo contra a vontade da vítima, que não queria a presença da PM no local.

De acordo com o major Pereira, da PM, a equipe chegou a solicitar apoio ao Grupo de Patrulhamento Tático (GPT), que esteve no local e deu apoio à viatura. Contudo, o suposto autor não foi localizado pelos policiais.

A polícia acionou ainda o Corpo de Bombeiros, que encaminhou a mulher até o hospital. O G1 não conseguiu o nome da vítima, para verificar o estado de saúde dela.

A reportagem entrou em contato com a Polícia Civil, mas segundo o delegado Glênio Ricardo Alves da Costa, que atende a região, até às 14h37, ninguém havia sido conduzido para a delegacia.

Fonte: G1/Goiás.

PROPAGANDA
[xyz-ips snippet="galeria"]

Compartilhar