São Luís: Jovem é assassinado friamente com três disparos na cabeça no Setor Brisas

No final da noite desta terça-feira, 7, por volta de 23h30, moradores do Setor Brisas, em São Luís de Montes Belos, foram surpreendidos com um crime violento ocorrido em uma das casas do bairro. Ivan Felipe Miguel Beserra, mais conhecido por “Boladão”, de 21 anos, foi morto com três disparos de arma de fogo na cabeça. Ele veio a óbito no local.

De acordo com testemunhas, que estavam na casa, um VW Gol, cor branca, sem identificação das placas, parou em frente à residência e um elemento encapuzado desceu do veículo, se dirigiu ao interior do imóvel e foi direto ao quarto onde a vítima estava. Depois de arrombar a porta, o autor desferiu três tiros na cabeça de Ivan. Uma pessoa que também estava na cama com a vítima, sofr4eu apenas um ferimento de raspão.

Antes de se evadir do local, o assassino ainda efetuou outros disparos na porta da sala, onde outras duas pessoas estavam. A motivação do crime ainda é apurada pelas Polícia Militar e Civil. A suspeita é a de que esse assassinato possa ter relação com outros crimes ocorridos na cidade no último fim de semana. Uma morte e uma tentativa de homicídio. Briga entre facções por disputa de poder no tráfico de drogas.

Os modos operandi do crime, levam a polícia a acreditar que o assassino é conhecido da família e que o mesmo conhecia bem a rotina da vítima. O uso do capuz e o fato de o criminoso saber onde a vítima estava naquele momento despertam esta suspeita.

Antes de se mudar para São Luís de Montes Belos com sua mãe, Ivan Felipe, que fez aniversário exatamente um dia antes de morrer, dia 6, morava em aparecida de Goiânia e fazia parte da torcida organizada Força Jovem Goiás. Existe a suspeita de Ivan fazia parte de uma facção criminosa, que atuava em Aparecida de Goiânia e na capital. Que agora ramificam os negócios para o interior do Estado.

A morte de Boladão ter sido uma vingança e com isso uma demonstração de força e poder de uma facção rival, também não é descartada pela polícia. Essa matéria será atualizada a qualquer momento.

Por: Edivaldo do Jornal

PROPAGANDA

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on email