São Luís: Moradores de Silvolândia assustados por conta de morte supostamente causada por COVID-19

Esta semana começou tensa para boa parte dos moradores de Silvolândia, Distrito de São Luís de Montes Belos. Isso porque um senhor da terceira idade, que circulou na comunidade no último fim de semana e teve como causa morte, na sua declaração de óbito, a COVID-19. No sábado, dia 23, ele esteve em uma mercearia, conversando e cumprimentando várias pessoas. A morte dele ocorreu na terça-feira, dia 26, em Trindade.

Pela gravidade da contaminação da COVID-19, a notícia da morte do senhor, supostamente causada pela doença, deixou muita gente agoniada e sem saber o que fazer. Muitas pessoas em busca de informações sobre como se proceder diante da situação. Várias ligações foram realizadas para a Secretaria Municipal de Saúde, Polícia Militar e ao Jornal A Voz do Povo. Todos querendo saber o que fazer.

A notícia sobre o fato foi reforçada com um áudio que circulou no mesmo dia entre os moradores de Silvolândia. Nele um pastor pede orações para familiares do senhor falecido, que moram na comunidade. Ouça:

A Secretaria Municipal de Saúde encaminhou uma equipe à Silvolândia assim que foi acionada via denúncia. Ao chegar ao local, o estabelecimento comercial onde o senhor havia participado de certa aglomeração, os técnicos e profissionais de saúde pública tomaram ciência do fato e notificaram as pessoas responsáveis pelo lugar. Porém, elas se recusaram a assinar o termo de compromisso de isolamento.

Mesmo diante do alerta, o local permaneceu aberto e recebendo pessoas no mesmo dia e posteriormente. A secretária municipal de saúde Dra. Adriana Papel Dib informou a esta reportagem que adotou todas as providências protocolares que o caso requer. Ela conta nesta sexta-feira, 29, o resultado dos exames do senhor deverá ser divulgado e caso se confirme que a causa da morte foi mesmo a COVID-19, as medidas protocolares serão aplicadas.

O comando da Polícia Militar informa que em casos de denúncias semelhantes ao caso, o policiamento somente será empregado para prestar auxílio e segurança aos profissionais de saúde, sanitários e de segurança do município. Mesmo assim, informa o Tenente Coronel Sandro Mendonça, uma equipe policial foi ao Distrito de Silvolândia fazer um levantamento da situação.

Por: Edivaldo do Jornal

PROPAGANDA

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on email