Sem máscara, Bolsonaro chega a São Simão para inauguração de trecho da Ferrovia Norte-Sul

Linha que está sendo inaugurada tem 172 km e vai de São Simão até Estrela d’Oeste, em São Paulo.

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), participa da inauguração trecho de 172 km da Ferrovia Norte-Sul na manhã desta quinta-feira (4) em São Simão, cidade no sudoeste de Goiás. Esta é a primeira vez que ele vem ao estado em 2021. Nas imagens feitas na cerimônia, ele aparece sem máscara.

O presidente saiu de Brasília antes das 9h e pousou em Uberlândia. De lá, ele seguiu para São Simão. Bolsonaro estava acompanhado do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, que também aparece sem máscara no palco do evento.

Bolsonaro esteve em Goiás em julho de 2019 para assinatura do termo de concessão do trecho da Norte-Sul para a empresa Rumo. A ferrovia foi leiloada em março daquele ano por R$ 2,7 bilhões.

À época, o leilão foi o primeiro de ferrovias do governo em mais de dez anos, anunciado no fim do governo Michel Temer.

O trecho que foi leiloado tem 1.537 km e liga Porto Nacional (TO) até Estrela d’Oeste (SP), passando pelos estados de Goiás e Minas Gerais.

A ferrovia é tida como um dos principais projetos para escoamento da produção agrícola do país com baixo custo logístico. A estimativa é que, ao final da concessão, que tem 30 anos de duração, tenham sido transportados mais de 22 milhões de toneladas.

Além da parte administrada pela Rumo, a ferrovia tem outras duas partes: a primeira é entre Açailândia (MA) e Porto Nacional, com 720 km, que é administrada desde 2007 pela subconcessionária Ferrovia Norte Sul S.A. O segundo trecho está entre Palmas (TO) e Anápolis, com 885 km de extensão. Ele era operado pela Valec e já foi alvo de investigações sobre corrupção e desvio de verbas.

Fonte: G1/Goiás

PROPAGANDA

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on email