Tribunal Superior Eleitoral apresenta limites de gastos para campanhas eleitorais de 2022

[post-views]

Nesta quinta-feira (30/6), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirmou que haverá limite de gastos para as campanhas eleitorais de 2022. O valor proposto será o mesmo de 2018, de acordo com a inflação da época.

Segundo a reportagem da analista Carolina Brígido, o limite de gastos para as campanhas à presidência da República deve chegar em R$ 88 milhões. Entretanto, se houver um segundo turno, o valor mínimo é de R$ 58 milhões.

As campanhas estão previstas para começar oficialmente a partir do dia 15 de agosto e a prestação de contas parcial das candidaturas em 13 de setembro.

O ministro Alexandre de Morais afirma que haverá um acréscimo de limite de acordo com cada candidatura. “Será possível que mais candidaturas tenham possibilidade de se mostrar ao eleitorado”, argumentou.

Em 2018, o cargo de presidente da República teve um limite R$ 70 milhões para o primeiro turno e R$ 35 milhões para o segundo turno. Já as campanhas de deputado federal, tiveram o valor de R$ 2,5 milhões e R$ 1 milhão para os cargos de deputados estadual.

A decisão deveria ter sido feita um ano antes das eleições, mas o Congresso Nacional não entrou em consenso. Em nota, o TSE avisa que os valores oficiais devem ser atualizados e divulgados até o dia 20 de julho.

Fonte: Agência Senado

PROPAGANDA
[xyz-ips snippet="galeria"]

Compartilhar