Universitária é morta a tiros enquanto estudava na sala de casa, diz polícia

Segundo a investigação, homem mascarado entrou na residência sem falar nada, atirou contra jovem e fugiu em seguida. Companheira da estudante estava no local, mas não se feriu.

Uma universitária de 21 anos foi morta dentro da casa onde morava em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital. Segundo a Polícia Civil, um homem mascarado invadiu o local e atirou seis vezes contra a jovem, que estava estudando na sala da residência. A companheira da estudante estava no local, mas não se feriu.

O homicídio de Beatriz Vitória da Silva Pimentel ocorreu por volta das 20h de terça-feira (23), no Setor Serra Dourada III. Segundo a Polícia Militar, vizinhos escutaram barulhos de tiros e acionaram a corporação. Quando a equipe chegou, ela já estava morta.

De acordo com a Polícia Civil, a jovem não possuía passagem pela polícia. O delegado responsável pelo caso, Eduardo Rodovalho, informou que imagens de câmeras de segurança da região foram verificadas e apontam que o atirador estava em uma moto.

Ainda segundo o delegado, a companheira de Beatriz informou que foi testemunha do crime, viu quando o homem assassinou Beatriz, mas não conseguiu reagir. Ela relatou que ele atirou seis vezes.

“Um homem adentrou no local, ele estava com uma máscara preta e um boné preto. Sem falar nada, efetuou vários disparos em direção à vítima e se evadiu logo em seguida. Estamos em diligências no sentido de apurar a autoria e motivação do crime”, explicou o delegado.

 

 

 

Fonte: G1/Goiás

PROPAGANDA

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on email